Aqui deixo depoimento, quiçá um comentário
Em forma de agradecimento por ora declaro...


Amigos que aqui se encontram nesta extensão de Um Sábado Sem Fim
Durante a semana a saudade de vocês é tanta que a ansiedade não cabe em mim
Em boa hora chegou esse Blog para quem saiba enfim Estejamos juntos não só aos sábados, mas em todos os dias, sejam bons ou ruins
Na verdade vos digo o quão prazeroso é para mim
Ter vocês como amigos que espero seja para sempre assim...


quinta-feira, 31 de março de 2011

Quando a hora chegar...

Dois meses se passaram.


Quando ouvi que levaria três meses para a total recuperação, discordei, seria muito tempo. Já passei períodos maiores de ausência, porém não por contusão, mas por força maior que minha vontade. O Miro, no alto de sua experiência de seus cinqüenta e seis anos declarou, diagnosticamente, que a idade é um fator preponderante para a total recuperação, mas eu nem completei quarenta e sete ainda, portanto essa regra não cabe no meu caso, ainda sou tão jovem.

Felizmente a lesão não me impede de comparecer aos jogos, mas definitivamente não é a mesma coisa participar do “espetáculo” da arquibancada. Não mesmo!

Como se não bastasse, não serão apenas três meses como o anunciado pelo Marquinho Patrão e sim quatro, pois acrescentarei mais um mês em virtude de curso de capacitação que estou devidamente imbuído em concluir e não posso correr o risco de nova contusão.

Portanto terei que me contentar com a situação e continuar prestigiando os amigos do Sábado Sem Fim do lado de fora. Em contrapartida vocês terão que “suportar” o futebol sem mim por mais um tempo, mas contem comigo após a “pelada” para os devidos comentários.

O Dam, um amigo aqui do campanário a me ver com o pé imobilizado há uns dias atrás disse que quando chega a hora devemos parar, mas a hora, o dia e o ano ainda estão muito longe para minha “aposentadoria”.

Então amigos; “Só quando a hora chegar...”

Sérgio.

3 comentários:

xande disse...

Quando a Hora chegar, você volta o relógio...

Sei bem o que você está passando, estou louco para voltar...

abraços...

Sérgio Lupeso disse...

Inclusive está fazendo falta, cadê você?

Nathália Souza disse...

Fica tranquilo pai, não vai demorar tanto assim pra passar! Logo Logo você estará lá, dentro de campo, jogando sua pelada, com seus amigos! Beijos ;*